segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Negrinho pastoreiro - o menino escravo

O livro
Do conjunto de 10 livros da Coleção, Negrinho do pastoreiro é a única peça teatral não tipificada como uma comédia. E as razões são fáceis de explicar: esta lenda folclórica lida com uma das mais perversas nódoas da formação econômica, social e cultural do país, o escravagismo.

É neste cenário, de muitos conflitos e contradições, que se desenvolve a trama. A lenda do Negrinho do pastoreiro, ao expressar a tortura e a humilhação que foi a escravidão no país, não deixa de descortinar o horizonte de luzes e esperanças que, mesmo nas noites mais longas e escuras, mantêm-se ao largo dos lobos do homem. 
A maior coleção interagindo educação, teatro e folclore já lançada no país. São dez volumes abordando 19 lendas do folclore brasileiro.

Veja os livros que compõem a Coleção:
•Vol. 1 – O coronel e o juízo final
•Vol. 2 - A noite do terror
•Vol. 3 - Lobisomem – O lobo que era homem
•Vol. 4 - Cobra Honorato
•Vol. 5 - A Mula sem cabeça
•Vol. 6 - Iara, a mãe d’água
•Vol. 7 - Caipora
•Vol. 8 - O Negrinho Pastoreiro
•Vol. 9 - Romãozinho, o fogo fátuo
•Vol. 10 - Saci Pererê

São dez comédias para o público infanto-juvenil, onde a cultura popular do país é retratada através de uma dramaturgia densa mas, ao mesmo tempo, hilariante, alegre e divertida.
Para saber mais, clique aqui.